sexta-feira, setembro 30, 2005

The Eye (Jian gui)


Hong-Kong, 2002, 99 min

Uma rapariga cega, recebe um transplante ocular para que possa voltar a ver. No entanto, acaba por obter mais do que esperava quando se apercebe que começa a ter visões de fantasmas. Esses fantasmas levam-na a tentar encontrar a origem do órgão e revelar a história da pessoa que era sua detentora…

Um grande filme de terror dos irmãos Pang, capaz de provocar os maiores sustos quando menos se espera. O ambiente de tensão e horror é constante em todo o filme e as cenas em que há o aparecimento de fantasmas / espíritos são muito bem, conseguidas, provocando bastantes calafrios aos espectadores…Algumas cenas são verdadeiramente assustadoras, tais como a do elevador, a da sala de aulas ou as dos corredores do hospital. A interpretação da actriz principal, Angelica Lee, é bastante credível e a realização competente, servida por um argumento bem delineado.


The Eye não se trata de um filme de terror simplista e sangrento. Pelo contrário é um filme inteligente na abordagem que faz ao sobrenatural e suspense (que é o que realmente provoca medo às pessoas - medo do desconhecido), um pouco como homónimos americanos, tais como, "Os Outros" ou "O 6º sentido".

Especialmente a primeira parte do filme, contém cenas verdadeiramente arrepiantes, não só pelos planos de estética visual tão característicos dos irmãos PAng, mas sobretudo, pelo timing correcto dos efeitos sonoros que intensificam a insegurança e terror vividos pela personagem. (É recomendável visionar o filme com um bom sistema de som...)

Em suma, estamos perante um excelente filme de horror asiático, recomendado para quem quer apanhar uns valentes sustos, confortavelmente instalado no sofá…Brevemente assistiremos ao remake americano. Os direitos já foram adquiridos por... Tom Cruise. Ultrapassará o original? Duvido...

Classificação: 7/10

Sérgio Lopes

Mais Críticas 1

3 Comments:

Blogger brain-mixer said...

Vi-o depois de ver a versão original de Ringu. Este The Eye achei-o muito seguidor do sixth sense, embora com algumas modificações... Mas pelo menos até vir a adaptação americana apadrinhada por Cruise, eu já estou aliviado: Não preciso de ver remakes!

2:33 da tarde  
Blogger cine-asia said...

Devo-te dizer que foi o 1º filme de terror aiático que vi. Não acho que tenha a ver com o 6º sentido e tem uns sustos valentes e umas cenas de cortar a respiração. A par de Ringu, é muito bom como filme de terror. Já o Dark Water ou o Ju-Hon (The Grudge) não valem nada...

12:57 da manhã  
Anonymous Karyia said...

Bom, eu acho este nitidamente superior ao Ab-normal (menos em termos técnicos) :) Agora dizer que o Dark Water e o Ju-On não valem nada... lol Vê o Kairo... já agora tb o Seance, o 1º do Nakata... mas mesmo mau vê o Ghost Delivery :D E pensa no Dark Water como ao Tale... mais thriller, menos horror :)

12:01 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home