segunda-feira, maio 01, 2006

Cinema... com aroma!


A empresa japonesa de telecomunicações NTT Communication Corp, decidiu introduzir um novo conceito, que consiste em associar uma essência floral para cada vez que aparece uma cena de amor enquanto que uma mistura de menta e alecrim é libertada durante uma cena triste, durante a projecção de um filme.

Esta invoação foi experimentada pela primeira vez durante a exibição do filme The New World - O Novo mundo, de Terence Mallick, que beneficiou assim deste serviço agregado aquando da sua estreia em terras nipónicas em alguns cinemas seleccionados para o efeito.

Ao que parece as diferentes fragrâncias são criadas de acordo com a manipulação de diversos óleos mantidos dentro de umas máquinas, máquinas essas que rondam os 600 euros e que segundo o porta-voz da companhia (que patenteou o invento), Akiko SuZaki, poderão ser requisitadas via internet, com diferentes sequências de odores, consoante o filme exibido.

Até ao momento parecem ainda não haver eventuais interessados nos serviços desta empresa japonesa. No entanto, se a moda pega, já estou a ver os aromas característicos de uma casa-de-banho imunda, serem oferecidos aos espectadores, após o protagonista a ter utilizado para o devido efeito, eh eh. Estou a brincar é claro, porque os aromas utilizados são todos agradáveis, não vá a audiência sáir em debandada...

Sérgio Lopes

2 Comments:

Anonymous evcine said...

Estranha noticia!! Eu pessoalmente iria detestar esse novo metodo de ver cinema. Sou muito sensível em relação aos aromas, e por muito que o filme fosse bom, acho que sairia da sala com uma terrível dor de cabeça, ou espirrar que nem um doido.

Abraços e assim que possível visitia-me no meu blog. Todas as visitas serão bem-vindas, e eu tentarei voltar aqui mais vezes.

6:11 da tarde  
Blogger cine-asia said...

Ok. Irei visitar.

Cumprimentos e obrigado por apareceres no cineasia!

Sérgio Lopes

6:54 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home